Já pensou em fazer compras e receber parte do dinheiro de volta?

Esta é a promessa das empresas de cashback, que recorrem a esse expediente para atrair clientes.

Já pensou se fosse possível fazer compras e ainda receber dinheiro de volta? Por incrível que pareça, este é o negócio das empresas de cashback, que devolvem parte do valor gasto pelo consumidor como forma de atrair e fidelizar compradores.

Por meio de aplicativos para smartphones e extensões para navegadores, elas apontam lojas e produtos que repassam um prêmio ao consumidor caso ele adquira produtos em estabelecimentos parceiros.

Apesar de estar no país há cerca de dez anos, esse tipo de solução só ganhou popularidade nos últimos dois. “O cash­back ainda está em ascensão no Brasil, mas já é bastante comum no exterior”, afirma Ricardo Cassettari, general manager da Affinion Group para a América Latina, empresa americana que lançou em 2012 sua versão brasileira de um canal do gênero, o clube de associados Compra e Volta. “Ao comprar pelo clube, o consumidor recebe, no mínimo, 10% do valor da compra depositado na conta-corrente”, diz Ricardo.

A empreendedora Monique Fernandes, de 32 anos, do Rio de Janeiro, é uma das que aprovam essa modalidade de consumo. Desde 2013, ela utiliza o aplicativo Poup, pelo qual já recuperou mais de 600 reais. “Eu tenho um plugin no Chrome que me avisa quando entro em um e-commerce cadastrado. Não fosse isso, esqueceria de usar”, afirma ela. “Hoje procuro concentrar minhas compras em lojas que ofereçam cashback. Até deixo de comprar naquelas que não têm o sistema.”

Mas é preciso tomar cuidado para não se empolgar com os reembolsos e gastar mais em razão disso. Afinal, essa vantagem só será real se você mantiver as despesas sob controle.

O caminho do troco

Conheça algumas opções de aplicativos que devolvem dinheiro ao consumidor

Mooba

Como funciona: o Mooba é a ferramenta de cashback do site Reclame Aqui. Com plugins para navegadores, o usuário é avisado quando visita lojas parceiras e, caso feche uma compra, pode resgatar até 5% do valor gasto.

Vantagens: quem indicar amigos ganha 5 reais em cada cadastro efetuado e 5% sobre o valor que eles receberem de volta quando atingirem um resgate mínimo de 30 reais.

Limitações: não tem app para smartphones. É preciso acumular pelo menos 30 reais de cashback para solicitar o resgate do salto.

Sli

Como funciona: o Sli não recompensa as compras — ele paga a quem vir os anúncios veiculados no aplicativo. “O app usa a tela de bloqueio do smartphone para exibir ofertas, notícias, vantagens e promoções”, afirma Kaleo Pinheiros, CEO da Sli. Assim, quem visualiza as promoções ganha moedas virtuais para gastar em lojas parceiras.

Vantagens: não é preciso desembolsar nada para ganhar as moedas virtuais. Basta visualizar as ofertas que aparecerem na tela do celular e interagir com elas.

Limitações: não há opção de receber o saldo acumulado em dinheiro, só como desconto em compras futuras. Funciona somente no sistema Android.

Compra e Volta

Como funciona: o Compra e Volta é um clube e cobra uma assinatura de 20,90 ­reais mensais, garantindo no ­mínimo 10% de resgate sobre o valor de cada compra. os Novos usuários ganham 10 ­reais para gastar em compras e pagam 1 real no primeiro mês de uso.

Vantagens: há benefícios que vão além do cashback, como bônus mensais e prêmios de associação. O percentual de dinheiro devolvido é maior do que a média dos serviços do gênero, variando de 10% a 30% do valor da compra — com teto de 300 reais mensais.

Limitações: o número de lojas parceiras é reduzido se comparado com outros apps. É preciso estar associado ao clube para ter todos os benefícios.

Poup

Como funciona: o cadastro é feito via Facebook ou e-mail. Após o login, uma série de cupons são mostrados, informando o valor de resgate ou desconto, a validade da promoção e o número de cupons disponíveis. O usuário pode instalar o plugin Poup Alerta nos navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox e Internet Explorer. Ao atingir 30 reais de saldo, é possível solicitar o resgate na conta bancária. O serviço faz transferências para os usuários duas vezes ao mês, nos dias 8 e 22.

Vantagens: grandes lojas online, como Americanas.com, Netshoes, Saraiva.com e Submarino são parceiras. Além do cashback, há cupons de desconto, que ajudam a economizar ainda mais.

Limitações: não há aplicativo para smartphones. O programa apenas reconhece as compras iniciadas em seu site e é preciso concluir a transação na mesma sessão. O saldo acumulado pelo usuário tem validade de um ano, o que pode fazer com que consumidores menos frequentes não aproveitem o benefício.

Cashola

Como funciona: o cadastro é feito via e-mail ou Facebook. Na tela inicial, é possível visualizar as lojas com promoções por ordem alfabética. As ofertas podem ter cupons de desconto ou informar o cashback em porcentagem ou em um valor fixo em reais.

Vantagens: lojas de diferentes setores, como Fast Shop, Extra, Ricardo Eletro, C&C, Sephora, Submarino, entre outras, são parceiras. Também oferece cupons de descontos, possibilitando uma economia adicional. A partir de 15 reais acumulados, já é possível ­solicitar o resgate em di­nheiro. O saldo não tem validade, porém, se ficar inativa por 12 meses, a conta é apagada do sistema.

Limitações: não há parceria com lojas físicas nem aplicativos para smart­phones. Embora o valor mínimo para resgate seja de 15 reais, é recomendável acumular mais antes de fazê-lo, já que se cobra uma taxa de 4 reais pela transferência bancária. As lojas têm até 90 dias para confirmar o pagamento, o que pode tornar a devolução do dinheiro demorada.

Beblue

Como funciona: O app premia compras em lojas físicas com os cartões Visa ou Mastercard. É possível escolher as cidades para buscar estabelecimentos parceiros. Uma aba exibe as promoções. Ao comprar, deve-se informar o CPF para contabilizar a pontuação.

Vantagens: A porcentagem de cashback vai imediatamente para a conta do comprador quando a transação é realizada. Pode-se usar o saldo acumulado em novas compras nas lojas cadastradas ou transferir o crédito a um amigo.

Limitações: Disponível em poucas cidades e capitais. Não há opção para resgate do saldo em dinheiro na conta bancária, só para novas compras em estabelecimentos parceiros.

Méliuz

Como funciona: a inscrição no app é feita com e-mail ou Facebook, CPF e número de celular. Depois, basta conferir a lista das lojas online e o percentual que cada uma devolve. Há a opção de pesquisar os estabelecimentos cadastrados mais próximos. Com 20 reais desaldo no app já pode ser pedido o reembolso.

Vantagens: Existe uma grande variedade de lojas participantes — mais de 1 600 — e não há prazo de validade para os saldos acumulados. Quem convida amigos pode ganhar 10 reais caso o contato alcance 20 ­reais em saldo nas lojas que oferecem o cashback.

Limitações: Só inclui lojas físicas em Minas Gerais, São Paulo, Distrito Federal, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Fonte Revista Exame

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *